A Pesquisa

A história que estamos investigando – a trajetória do circo no Largo do Paissandu –,  começou nas últimas décadas do século XIX, quando os circos, então chamados de “circo de cavalinhos”, armavam suas tendas no Largo, que por esse motivo ficou  conhecido também como  “Largo do Circo”. 

No início do século XX o “café dos artistas”, antes localizado na Praça Antônio Prado segundo relato orais de circenses na década de 60 , mudou-se para o Largo do Paissandu, mantendo assim  a tradição dos circenses de se encontrarem todas as segundas-feiras, dia de folga da classe, em torno de um café.  

Na década de 20 o circo viveu sua “idade do ouro” no Largo do Paissandu, com grandes temporadas dos circos pavilhões Irmãos Queirolo e Alcebíades, e com o reinado do palhaço Piolin (Abelardo Pinto – 1897-1973). Foi no largo que os modernistas descobriram Piolin e o elegeram o maior ator cômico do país. E o picadeiro, berço do teatro nacional.  

Quando o  “crco da construção civil ”  invadiu os terrenos onde se armavam os circos de lona, expulsando-os do centro da cidade Paulo, o Paissandu continuou a ser referência dos artistas circenses, que lá continuaram a se encontrar todas as segundas feiras.

Em 1972, cinqüentenário da Semana de Arte Moderna de 22, a data de nascimento de Abelardo Pinto (Piolin), 27 de março, foi decretada, por meio de lei estadual, Dia do Circo no Estado de São Paulo. E em 1975, a rua, situada no largo, denominada travessa do Paissandu, passou a se chamar Rua Abelardo Pinto – Piolin. 

Nos dias de hoje, um número diminuto de circenses – últimos resistentes de uma tradição que atravessou o século XX – continuam a se encontrar no Café dos Artistas, localizado atualmente na Galeria da rua Dom José de Barros.  Por outro lado, o Dia do Circo, 27 de março, aniversário de Piolin, corifeu protagonista dessa história, é hoje comemorado em todo país – do Amazonas ao Prata. 

Revelar o patrimônio cultural do circo brasileiro que se encontra no Largo do Paissandu é o que se propõe a pesquisa que estamos realizando. E para isso contamos com a participação de todos.

Colabore enviando seu comentário.

Ou entre em contato com a Pindorama: pindorama@pindoramacircus.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s